Dra Sílvia Cristina de Castro Oliveira – Dermatologia e Estética

..28.06.2017.. 11

diane kruger 2

Começo o blog com essa foto da belíssima Diane Kruger, atriz alemã detentora de uma tez invejável! Perguntada qual o segredo de uma pele tão perfeita, imaginem a resposta: “Nunca tomo sol!” Mas, pra nós, que moramos em um país ensolarado, passarmos o verão sem pegar uma praia ou uma piscina, é quase irresistível, não? Mas, daí o verão passa e outono chega… E com ele o resultado na pele principalmente de quem se expôs como se não houvesse amanhã: manchas, excesso de oleosidade, espinhas, enfim, um desastre! Caaaalma, nada de desespero! É possível sim voltar à estética da cor de escritório (ou seja, lisinha, sem manchinhas) e sem muito desbotamento. Não que o caminho seja simples ou fácil, pelo contrário… Mas, com um bom cuidado diário associado aos tratamentos dermatológicos é possível sim renovar a pele e deixá-la linda!

Aproveite que o outono chegou e comece o projeto #pelerenovada #pelelinda! Primeira coisa procure sua “dermatoamiga” e peça socorro hehehehe! Na verdade, é preciso avaliar como está sua rotina (ou não) de cuidados com a pele depois do período off duty.

Pele manchada: no caso de quem está com a pele muito manchada talvez seja o momento ideal de iniciar alguns despigmentantes potentes e modernos (que não irritem demasiadamente) como, por exemplo, fórmulas que contenham: ácido kójico, arbutin, ácido glicólico, ácido fítico e phloretin. A tendência atual são fórmulas que agregam despigmentantes de ações diferentes e o uso cada vez menor da conhecida hidroquinona devido o seu efeito tóxico sobre à pele.

Klassis

Klassis creme: clareador a base de ácido glicólico, arbutin e ácido kójico

Pele envelhecida e rugas (credo!!!): gente, mais uma vez: o sol tem inúmeros efeitos benéficos sobre nossa saúde. Mas ele é o principal fator, provado através de inúmeros estudos científicos, que provoca envelhecimento da pele, quer dizer, a deixa sem viço e com marcas. E pra quem passou dos 30, isso começa a ficar mais notável. Nessas situações, acho fundamental estimular uma renovação das células da pele que vão ficando preguiçosas com o passar do tempo.
Definitivamente o ácido retinóico continua imbatível nesse quesito e atualmente, tenho associado potentes antioxidantes como a vitamina C, o ácido ferúlico, coffeberry e chá verde que potencializam ainda mais seu o efeito rejuvenescedor.

skin active night

Skin Active: contém 7 ativos antioxidantes e retinol para renovação celular

Espinhas e excesso de oleosidade: em tempos de verão, geralmente a pele fica realmente mais oleosa o que estimula a produção de espinhas, a que chamamos de Acne Estival. Nesse caso, geralmente a acne se manifesta através do aparecimento de cravinhos e excesso de brilho na pele. Geralmente indico produtos a base de adapaleno e cosméticos que controlem o brilho ao longo dia.

differin

Differin: adapaleno a 0,1%

Agora, realmente, tem alguns casos em que a pele precisa de um tratamento de “choque” digamos assim. Nessas situações, procedimentos dermatológicos high-tech como os lasers fracionados de CO2 e luz pulsada tratam as manchas e melhoram (e muito) o aspecto geral da pele. Claro, a opção de realizar esse tipo de tratamento vai depender da avaliação de um médico dermatologista. Somente esse profissional está realmente capacitado em realizá-lo, porque lembro vocês que se não for bem feito pode trazer consequências sérias à pele, como cicatrizes e manchas. O laser de CO2 fracionado tem excelente indicação para peles fotoenvelhecidas. Já a Luz Pulsada tem excelentes resultados em peles jovens com sardas.

active fx

Active FX: laser CO2 fracionado

Por isso, inspire-se na Diane Kruger e procure (rápido) seu dermatologista para que se possa criar boas estratégias de tratamento que resultem numa pele bonita, cuidada, tratada!

Bjs a todos!

pes e maosGente, micose nas unhas dos pés ou das mãos é um problema que, na grande maioria das vezes, é empurrado com a barriga. Isso porque não dói, não arde, dá pra disfarçar com calçado fechado ou com um esmalte escuro básico, não é mesmo? Mas engana-se quem acha que micose de unha ou onicomicose (termo clínico da doença) não passa de um probleminha só de embelezamento. Essa unha feinha pode favorecer a contaminação da pele e tecidos por bactérias e daí ter uma doença infecciosa grave, como Erisipela (Ui!! Isola!!!). Por isso nada de “deixa a vida me levar” passando esmalte vermelho: procure um dermatologista para poder examinar as unhas, ok? Porque também nem toda unha amarelada quer dizer que está contaminada por fungos, ou seja, tem micose de unha.
Depois de identificado qual bichinho está fazendo a festa na unha, chegou na hora de tratar. Bom até 2012 precisamente, isso poderia ser feito através de duas formas principais: com medicações locais (como soluções e esmaltes) ou remédios orais. A escolha dependia da gravidade do quadro e das condições do paciente em se submeter a um tratamento local (com duração mínima de 6 meses) ou via oral (de duração mínima de 3 meses) com medicamentos que precisam ser muito bem indicados para se evitar efeitos colaterais no fígado. Até que no principal congresso de dermatologia do mundo, o Annual Meeting of American Academy of Dermatology em San Diego, foram apresentados resultados das primeiras pesquisas da utilização do laser para tratamento da micose de unha. E esse ano, mais uma vez no mesmo congresso agora realizado em Miami, os resultados continuam a ser muito animadores e a prática já vem sendo adotada por muitos colegas dermatologistas aqui no Brasil também.

SPECTRA
Os principais estudos foram realizados com o laser Nd Yag 1064. O laser aquece a unhapor cerca de 10 minutos a uma temperatura de mais ou menos 42 °C causando a destruição do fungo maledeto – você sente a unha quente, mas nada insuportável, não é necessário anestesiar. São necessárias de 4 a 6 sessões, mas os resultados são realmente fantásticos na minha experiência.
Olha, para tudo tem solução e alternativas. Portanto se você está com aquela unha do dedão do pé horrorosa, amarelada, espatifando à toa, corra para um dermatologista agora e comece a tratar antes do verão chegar. Imagina você poder desfilar por aí com uma bela sandália e unhas perfeitas, não é muito melhor?
Bjs!

Perfil

Dra Silvia Cristina

foto_perfil_pahina_draSilvia

Sou paulistana de nascimento, mas mineira por adoção e coração. Em BH, eu estudei, me formei, me apaixonei, casei e me tornei mãe de dois (lindooos!) príncipes. Assim como muitas mulheres, eu me desdobro para trabalhar, cuidar das crias (do cachorro também, oras!), cozinhar (mentirinha! quer dizer, só faço bolos ahaha!), malhar, namorar, e, agora, blogar!

Sou médica Dermatologista com muito orgulho. Tenho Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, da qual sou membro titular. Pós- graduada em Laser e Cirurgia pela Cleveland Clinic Foudation – OHIO EUA. Membro da Academia Americana de Dermatologia.

faça sua busca aqui

banner_keepCalm

arquivos

curta e
compartilhe

img_cosmeticos
img_dicasBeaute2
logo_sociedadeMineiradeDermatologia logo_sociedadeBrasileiraDeDermatologia

Entre em contato!

(31) 3241-4556 ou 2512-0956
Rua Padre Marinho, 49 salas 805 e 806
Santa Efigênia . Bh . MG / CEP: 30140-040
contato@drasilviacristina.com.br

política do blog

A informação médica via internet pode complementar, mas nunca substituir a relação pessoal entre o médico e o paciente. A internet pode ser uma ferramenta útil, veiculando informações e orientações de saúde genéricas, de caráter educativo, abordando a prevenção de doenças, promoção de hábitos saudáveis de vida, bem-estar, cuidados pessoais, nutrição, higiene, qualidade de vida, […]

Continue lendo